Jornada do Herói

Conheça as aventuras e histórias de quem ousa ir mais além

“A madrinha do Iron”

 

“Qualquer ajuda, por mais pequena que seja, é sempre bem-vinda”. Este é um dos motes de Helena Conceição, Supervisora de Caixas do Continente Modelo de Setúbal e residente da região. Capaz de unir pessoas por boas causas, é um grande apoio para a vida de pessoas e amigos de quatro patas.

Helena é madrinha do Iron, um cão resgatado pelo abrigo Estrelinha, um projeto criado pela sua amiga Zélia, ao qual presta uma grande ajuda através de doações monetárias e bens alimentares. Conta-nos que ajudar os animais resgatados “é muito gratificante. Saio sempre de coração cheio”.

“O pouco que faço já ajuda bastante”

Com estas palavras humildes, se vê a dedicação de Helena, um exemplo prático de que com pequenos gestos fazem-se grandes mudanças. É uma das voluntárias mais ativas do Projeto Estrelinha, que surgiu no dia em que uma Pastora Alemã (que dá o nome ao projeto) abandonada e frágil se cruzou com Zélia, uma amante de animais e amiga de longa data de Helena, que não ficou indiferente com a situação da cadela. “Conheço a Zélia desde pequena, ela tem muito amor por animais”, destaca.

Zélia conta que, quando conheceu a Estrelinha, “a Helena foi uma das pessoas que me veio ajudar. Ela sempre conseguiu arranjar muitos apoios, e não só ajuda esta associação como também me ajuda pessoalmente. Ela é família”. Mesmo incapaz de se dedicar a 100% a este projeto, a Helena esforça-se para o sucesso do mesmo e confessa que “a vontade, é de os levar (os cães) para casa, mas o pouco que faço já ajuda bastante”.

Apesar de reconhecer a sua grande ajuda, desabafa sobre a falta de voluntários neste tipo de iniciativas de proteção animal. “Se houvesse mais voluntários a ajudar e a consciencializar as pessoas sobre o abandono dos animais e dos maus-tratos, conseguíamos evitar a sobrelotação destes abrigos”.

Unir por uma boa causa

Quando o assunto é apoiar causas solidárias, quantos mais intervenientes, melhor. Helena concorda com a importância da união entre as pessoas. Por isso, não descura da ajuda dos seus colegas nesta missão. “Entre nós, colaboradores, de vez em quando juntamo-nos, compramos produtos de alimentação e higiene para os animais e também já conseguimos algumas adoções”.

Antes da pandemia, os voluntários do projeto Estrelinha usavam o Continente, onde trabalha Helena, para fazer campanhas de recolha de alimentos, produtos de limpeza e divulgavam o trabalho que faziam de forma a angariar voluntários ou adoções.

A união parte primeiro da iniciativa de cada um. Um pouco do nosso esforço pode fazer uma grande diferença e Helena é exemplo disso. “Ajudo com o que posso. Se todos nós ajudarmos, não custa nada”.

 

Tome nota!

O Continente tem o privilégio de ser representado por colaboradores fantásticos. Tal como a Helena, muitos outros são verdadeiras inspirações de altruísmo que motivam a nossa atividade.

Siga o exemplo dos nossos Heróis, comece também a fazer a sua parte enquanto membro de uma comunidade mais unida, focada na construção de um mundo melhor.

Conheça as iniciativas promovidas pela Missão Continente e participe nas inúmeras missões que temos para si. Divirta-se, a contribuir para um futuro mais sustentável para todos.