escola missao continente

Julho 13, 2020

Escola Missão Continente encerra edição deste ano com prémios em Coimbra, Covilhã e Madeira

A Escola Básica de Anobra, em Coimbra, foi a grande vencedora do 2.º desafio da edição 2019/20 do programa Escola Missão Continente, com um trabalho de incentivo à reciclagem, depois de ter recebido um prémio, também este ano, pelo projeto dedicado à prevenção da obesidade infantil. Uma aluna do Conservatório Regional de Música da Covilhã, no distrito de Castelo Branco, e um aluno da Escola Básica da Ponta do Sol, na Madeira, foram vencedores do segundo e terceiro lugares, respetivamente.

As escolas ganharam prémios entre 600€ e 1.000€, que reverterão em material lúdico-pedagógico ou desportivo para os alunos, consoante as suas preferências e necessidades de cada instituição.

Os trabalhos deste 2.º desafio tinham como tema a importância da reciclagem, e o desafio de quebrar alguns mitos sobre a mesma, além de incentivar os alunos a partilhar o que foram aprendendo com as respetivas famílias. Os projetos foram sujeitos a uma avaliação por parte do júri (composto por um representante da Escola Missão Continente e a consultora Sair da Casca).

Nesta edição do programa Escola Missão Continente inscreveram-se 333 escolas de todo o país e 31.406 alunos participaram nas atividades do programa.

O Programa Escola Missão Continente visa apoiar as escolas na sensibilização para uma alimentação saudável e um consumo consciente, abordando temas como dietas saudáveis, desperdício alimentar ou a importância da reciclagem.

A Escola Missão Continente encerra assim o programa deste ano letivo, reconhecendo o papel fundamental dos professores, pais e alunos, durante esta última fase do ano letivo, em que o estudo decorreu em casa. No próximo ano, a Escola Missão Continente promete novos desafios, continuando a estimular e a envolver a comunidade escolar em projetos que estimulem a aprendizagem.

missão continente escola missão continente