Março 24, 2020

Continuar a alimentar Portugal

Esta é a altura de assumirmos coletivamente ações para defesa do país e da população, no que diz respeito ao combate à propagação do vírus Covid 19.

Precisamos de ser solidários e responsáveis.

Começamos por louvar o papel exemplar que os nossos mais de 95 mil colaboradores do setor alimentar têm tido, ao garantir, de forma segura, o abastecimento e atendimento nas mais de 3500 lojas espalhadas por todo o país. Para todos eles, o nosso sincero obrigado!

A todos os portugueses gostaríamos de passar uma mensagem de tranquilidade, reiterando que não há neste momento sinais de rutura no fornecimento de produtos às nossas lojas. Estamos todos a trabalhar em conjunto com a produção nacional, com a indústria e com o Governo para garantir, como até aqui, que este fluxo aconteça com toda a agilidade necessária.

A estrutura da distribuição alimentar em Portugal permite que a disponibilização de alimentos e outros produtos essenciais não seja um problema para a população, qualquer que seja a sua localização.

Mas precisamos da ajuda de todos para continuar a alimentar Portugal. Apelamos à população portuguesa para a necessidade de ter comportamentos responsáveis e sensatos. É importante que os portugueses comprem apenas o que necessitam, permitindo que o fluxo de abastecimento ocorra sem sobressaltos. Cada um terá de fazer o seu papel para o bem comum.

Estamos a fazer tudo o que está ao nosso alcance para superarmos este desafio, pois a segurança e o bem-estar dos nossos colaboradores e clientes é, e sempre será, a nossa prioridade.

Contem sempre connosco!
17 de março, 2020